Início > Uncategorized > F1 – GP Abu Dhabi, Análise da Temporada e Destaques

F1 – GP Abu Dhabi, Análise da Temporada e Destaques

E foi hoje, a ultima prova do circo da F1 em 2009, em Abu Dahbi nos Emirados Àrabes, num circuito travado, uma corrida sem muitas emoções, mas com uma grande demonstração de técnica de Sabastian Vettel, que venceu o GP de ponta a ponta, ficando assim em 2º lugar no mundial de pilotos.

Mark Webber chegou em segundo, mas o Show ficou por conta de Jenson Button nas ultimas 4 voltas, ele mostrou por que foi merecidamente campeão, e partiu pra cima de mark Webber protagonizando m belissimo ataque num circuito travado, não ultrapassou, mas mostrou sua técnica competencia, e qualidade de um campeão com todos os méritos de uma primeira parte irretocável no campeonato.

Outro destaque foi Kobayashi, que protagonizou uma das raras ultrapassagens da prova pra cima do campeão Jenson Button, Rubens Barrichello terminou em 4º logo atrás de Button, e amargou o 3º lugar no Mundial de Pilotos.

Análise da Temporada

A Brawn, começou com o melhor carro disparado, porém, pela falta de patrocínio, tinha dinheiro apenas pra investir em um carro, e tomou a decisão mais acertada, investiu num piloto jovem e de Pé pesado, enquanto Rubens, mesmo com um carro pior pela experiencia e capacidade, conseguia conduzir bem seu carro, para que Button, com o melhor carro da categoria disparase, na frente.

A RBR, ja dava sinais que com a ausencia de Ferrari e McLaren, que fizeram projetos muito ruins, seria a única adversária para a Brawn, e isso ficou mais intenso á partir do meio da temporada, onde o carro da Red Bull passou a ser o melhor carro da Formula 1, o carro da Brawn ja não acompanhava mais os avanços da RBR e até mesmo a reação da McLaren, e com isso, a experiencia e a qualidade de Rubens Barrichello comçaram á aparecer, Rubens começou á atuar como o principal piloto da Brawn, disputando os primeiros lugares, mesmo com um carro inferior.

Rubens conquistou 2 vitórias, fez excelentes corridas, enquanto Button, friamente administrava, suas magnificas 6 vitórias.

Button, chegou a aparentar ter perdido o fio da meada, em alguns momentos, mas quando viu que o campeonato apertou, nas ultimas provas tratou de retmoar o ânimo, chegou na frente de Rubens, no GP de Suzuka, e no Brasil, contou com a sorte no início da prova, o azar de Rubens no meio e fim da corrida, e com excelentes ultrapassagens dignas de um campeão do Mundo pra levantar a taça por antecipação.

Isso não tira os méritos de Rubens Barrichello, que mostrou ser extremamente competitivo, o piloto bom, mostra sua capacidade quando o carro é ruim, e Rubens o fez, com técnica, garra e honra.

Vettel, se consolidou como excelente piloto.

Hamilton, oscilou demais, e abriu caminho para que Button se consagrasse, o melhor piloto Inglês do momento na F1.

E a Ferrari, fez um ano pifio, um dos piores de sua trajetória na F1, Badoer, fez um papelão á bordo da Ferrari, foi chamado até de: Luca “HowBadYouAre”, mas com os insucessos de Giancarlo Fisichella, ficou claro que o carro da Ferrari era muito ruim.

Revelações

Eu creio que as principais revelações de 2009 na F1, foram Adrian Sutil e Kamui Kobayashi. Pilotos rápidos e arrojados, muito se fala em relação ao Sutil, que ele erra muito, não, ele é agressivo, e por ser de uma equipe pequena e novato, fecham a porta na cara dele, e estragam a corrida do garoto, se derem um bom carro á ele, é mais um Alemão de ponta na F1.

Mas há também, os que enterraram a carreira, como o piloto Luca Badoer, de 38 anos, Marc Gené, que nem com o fraco desempenho de badoer teve uma chance, e Grosjean, que é muito fraco.

Formula 1: 2010

Em 2010, teremos Bruno Senna, na Campos, Barrichello na Willians, Massa terá trabalho contra Alonso na Ferrari, creio que fatalmente será o segundo piloto.

Ecclestone, tenta manobarar para que Piquet (Nelsinho), e Senna (Bruno); possam dividir o cockpit da equipe Campos, o que seria um feito histórico para a F1, runir na mesma equipe novas gerações de 2 sobrenomes tão emblemáticos dentro da F1.

Lucas di Grassi, ja ta quase acertado com a Manor, anuncios de Kubica (Renault) e Raikkonen (McLaren) já engatilhados.

Mas o destaque mesmo, é negativo; Os carros da Fórmula 1, em 2010, não farão reabastecimento, ai o menos entendido pensa: “Melhor assim”, Não.

Os carros ficarão muito pesados, grandes, o que desgasta os pneus, prejudicam a aerodinamica e dificultam as ultrapassagens, muitos circuitos onde é muito difiil ultrapassar, se tornarão impossíveis.

Caso não aconteça algo novo, tem tudo pra ser um atemporada travada, e decidida muito mais nas Poles, do que em grandes corridas recheadas de emoção.

Falaremos bastante disso ao longo desses meses que antecipam o dia 14 de Março, onde no Bahrein se inicia a tempoarada 2010 de Formula 1.

E pra você que acompanha o Blog do Esquadrão, estréia amanhã Crônicas, onde eu, (e os demais Editores)faremos análises e contaremos Histórias do Esporte.
Anúncios
Categorias:Uncategorized
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: