Archive

Archive for the ‘Handebol’ Category

Handebol – Convocação para Mundial Feminino é divulgada

Brasil define jogadoras para Mundial


A seleção feminina está com o grupo definido para disputar o Mundial de Handebol, que será realizado entre os dia 5 e 15 de dezembro, na China. O técnico dinamarquês Morten Soubak definiu o elenco e fez uma escolha em que mescla algumas jogadoras com experiência de outros Mundiais e Olimpíadas e muitas que estrearão em uma competição deste porte.

A lista decorreu de experiências feitas desde o início do ano e que foram testadas em viagens feitas pelo grupo.

Serão nove estreantes no Mundial da China: Fernanda França, Mayssa, Flávia, Jaqueline, Adriana, Regiane, Rosária, Fabiana e Célia.

O grupo de veteranas tem Aline Pará, Daniela Piedade, Dara, Darly, Aline Santos, Ana Paula e Duda, todas com bagagem internacional.

Antes de partir para a China, a seleção jogará o Torneio da França, em Paris, entre 20 e 22 de novembro, contra Montenegro, Portugal e França. Depois, fará amistosos na Coreia do Sul, contra as donas da casa, Austrália e Angola.

Acompanhe a lista

Goleiras: Darly (Le Havre – França) e Mayssa (Bruesa BM Ermua – França).
Armadoras: Adriana (AD Santo André – SP), Aline (Leon Balonmano – Espanha), Ana Paula (B.M. Roquetas – Espanha), Duda (Györi Eto Kézilabda – Hungria), Flávia (BM Elche Mustang – Espanha), Francine (Hyppo – Áustria) e Jaqueline (Metodista / São Bernardo – SP).
Pivôs: Daniela Piedade (Hyppo – Áustria), Dara (Clube Balonmano Mar Alicante – Espanha) e Regiane (UniSant’anna / Suzano – SP).
Pontas: Rosária (AD Santo André – SP), Aline Pará (Blumenau / FURB– SC), Célia (Metodista / São Bernardo – SP) e Fernanda França (Metodista / São Bernardo – SP).

Pará é o destaque desta equipe.

Categorias:Handebol Tags:

Liga Nacional feminina de Handebol, Final definida

Pela quarta vez seguida, Blumenau e Metodista fazem a final da Liga Nacional


Metodista/São Bernardo e Blumenau/Furb são os finalistas da Liga Nacional de Handebol Feminino. O confronto se tornou tradicional, já que as equipes decidirão o título pela quarta vez seguida. Na quinta-feira e no domingo, o Blumenau tentará quebrar a hegemonia do adversário, atual tricampeão.

Nos últimos anos, o duelo ganhou um ingrediente a mais. “Vamos para a quarta final consecutiva contra Blumenau e esse confronto passou a ser de grande rivalidade. Estamos muito satisfeitos por mais uma final, mas sabemos que ainda temos uma batalha pela frente”, concluiu o treinador da Metodista Eduardo Carlone.

Para chegar à final, o time de São Bernardo precisou vencer o Luna ALG/Ordena/UCS por 32 a 26, em São Bernardo do Campo, enquanto o Blumenau derrotou o AA.UNC/Concórdia por 31 a 22, em Brusque, ambos na manhã deste domingo.

O técnico do Blumenau Sérgio Graciano ficou satisfeito com o desempenho do time na partida contra Concórdia. “Tivemos uma marcação forte e arremessos precisos. Foram fatores que fizeram a diferença na nossa vitória. Além disso, as meninas estavam muito aplicadas taticamente. Elas brigaram muito para estar nesta final”, afirmou.

A ponta Aline Pará, artilheira do jogo com nove gols, ressaltou a campanha de recuperação feita pela equipe durante o torneio. “Não estivemos muito bem na primeira fase. Classificamos em terceiro na semifinal, mas arrancamos duas vitórias em um momento importante”, avaliou.

x

Categorias:Handebol

Liga Nacional feminina de Handebol, fase final

Metodista e Blumenau vencem e se aproximam da final

 

cbhb

A Metodista/São Bernardo e o Blumenau/Furb largaram na frente na semifinal da Liga Nacional feminina de handebol. Com as vitórias desta quarta-feira, as duas equipes estão a um empate em casa da final da competição.

Atilheira da partida com 13 gols, Emanuele Lima não impediu a derrota da Luna ALG/Ordena/UCS para a Metodista, mesmo jogando em Caxias do Sul. A equipe paulista foi para o intervalo em vantagem (15 a 13) e ainda ampliou o marcador no segundo tempo para vencer por 32 a 27.

No duelo catarinense, a AA.UNC/Concórdia não conseguiu fazer valer seu mando de quadra e foi derrotada pelo Blumenau. Após a vitória apertada no primeiro tempo por 11 a 10, as visitantes conquistaram a vitória ao fazer 24 a 19.

O segundo jogo decisivo da semifinal está marcado para as 10h de domingo. Após as vitórias fora de casa, Metodista e Blumenau jogam em casa com a vantagem do empate.

 

Categorias:Handebol Tags:

Liga Nacional feminina de Handebol, fase final

Metodista e Blumenau vencem e se aproximam da final

A Metodista/São Bernardo e o Blumenau/Furb largaram na frente na semifinal da Liga Nacional feminina de handebol. Com as vitórias desta quarta-feira, as duas equipes estão a um empate em casa da final da competição.

Atilheira da partida com 13 gols, Emanuele Lima não impediu a derrota da Luna ALG/Ordena/UCS para a Metodista, mesmo jogando em Caxias do Sul. A equipe paulista foi para o intervalo em vantagem (15 a 13) e ainda ampliou o marcador no segundo tempo para vencer por 32 a 27.

No duelo catarinense, a AA.UNC/Concórdia não conseguiu fazer valer seu mando de quadra e foi derrotada pelo Blumenau. Após a vitória apertada no primeiro tempo por 11 a 10, as visitantes conquistaram a vitória ao fazer 24 a 19.

O segundo jogo decisivo da semifinal está marcado para as 10h de domingo. Após as vitórias fora de casa, Metodista e Blumenau jogam em casa com a vantagem do empate.

Categorias:Handebol

Handebol, preparação para Mundial feminino

Treinador vê Brasil jogando de “igual para igual” com todos

Treinador da seleção brasileira de handebol, o dinamarquês Morten Soubak acredita que o time verde-amarelo pode atuar “de igual para igual” contra todas as seleções do Mundial, programado para entre 5 e 15 de novembro, na China.

Recentemente, as jogadoras nacionais estiveram na Europa para uma série de amistosos e chegaram até mesmo a bater a Noruega, campeã olímpica.

“Foram bons jogos e gostei muito, de um modo geral, dessa última etapa que realizamos. Voltei da Europa ainda mais motivado e mais animado para o Mundial, pois as jogadoras brasileiras mostraram que podem jogar de igual para igual com qualquer equipe do mundo, até mesmo as melhores”, comentou o técnico.

Soubak estará em Cianorte (PR) até quarta-feira para a realização de um acampamento de treinos da seleção juvenil. Depois disso, o treinador volta suas atenções para a reta final da preparação da equipe adulta para o Mundial. Entre os dias 20 e 22 de novembro, o time jogará o Torneio da França, além de disputar alguns jogos preparatórios na Coreia, onde fará aclimatação antes de seguir para a cidade chinesa de Wuxi.

“O nosso grande desafio até o Mundial será buscar um equilíbrio técnico, tático e psicológico. É muito importante mantermos um ritmo forte do início ao fim do jogo e também um bom nível técnico em todas as partidas da competição”, finalizou Soubak.


Acima, o dinamarquês Morten Soubak

Categorias:Handebol

Handebol feminino

Brasil vence atuais campeãs olímpicas


A seleção brasileira de handebol feminino conseguiu uma boa vitória sobre a Noruega por 33 a 32, neste sábado, em Bergen. A partida contra as atuais campeãs olímpicas faz parte de uma serie de amistosos preparatórios para o Campeonato Mundial, que será disputado de 5 a 20 de dezembro, na China.

O principal destaque brasileiro foi Jaqueline, artilheira da partida com 11 gols. “Marcamos muito bem o contra-ataque delas, mas no geral a nossa defesa estava muito forte. Além disso, fizemos tudo o que o Morten (o técnico) pediu e essa disciplina tática foi importantíssima para sairmos com a vitória. Ganhar das campeãs olímpicas é simplesmente demais”, afirmou a jogadora. Também se destacaram neste sábado a goleira Maíssa, a central Ana Paula e a armadora Duda Amorim.

Para o técnico Morten Soubak, a rápida recuperação defensiva foi fundamental para a vitória brasileira. “Conhecendo o forte e poderoso contra ataque da seleção da Noruega, pedi muita atenção na volta para a defesa, pois sabia que seria um ponto determinante nesse jogo e isso fez a diferença”, explicou.

As duas seleções voltam a se enfrentar neste domingo, às 10 horas (horário de Brasília). O Brasil já havia feito dois amistosos contra a Dinamarca antes de enfrentar a Noruega.

Categorias:Handebol